Futsal

24 fevereiro 2021, 21h45

Robinho marcou um dos golos

RESUMO DO JOGO

Garantida a presença na final eight da UEFA Futsal Champions League, a equipa do Sport Lisboa e Benfica viajou até ao sul do País para defrontar o Portimonense. Em jogo a contar para a 23.ª jornada da Liga Placard, empate 3-3.

Na partida agendada para esta quarta-feira, no Pavilhão Gimnodesportivo de Portimão, entrada poderosa do Benfica em quadra, com Afonso Jesus e Fits a darem o mote e a causarem de imediato muitos problemas à defensiva algarvia.

Robinho, com um remate espetacular, atirou ao poste, mas aos 4' a bola acabou mesmo por entrar. Lance de laboratório, canto na direita cobrado por Afonso Jesus, com Robinho a não dar hipótese de defesa a Bruno Santos. 0-1 logo a abrir...

Jogo intenso, "rasgadinho", com o Portimonense a responder! Júnior, aos 8', no cara a cara com Roncaglio, ganhou o duelo e fez o empate (1-1)... e no minuto seguinte (9') bisou na partida, de cabeça, após passe de Paulinho. 2-1 e cambalhota no marcador.

A correr atrás do prejuízo, as águias tomaram conta das operações, mas sempre perante um adversário muito físico e aguerrido. Ataque, contra-ataque, oportunidades, num desafio muito interessante.

O empate chegou aos 14', novamente na sequência de um lance de bola parada. Afonso Jesus, na marcação do canto, a enviar a bola de forma assertiva para o coração da área, onde Chishkala, à ponta de lança, apareceu mortífero para o 2-2.

Até ao intervalo, emoções fortes, com Roncaglio, com uma defesa extraordinária, a dizer "não" a Divanei; do outro lado, uma mão-cheia de oportunidades, mas sem consequência de maior.

Tiago Brito

No momento de recolher aos balneários registava-se um empate (2-2), resultado a premiar a postura da equipa comandada por Pedro Moreira e a castigar, por outro lado, alguma falta de eficácia dos encarnados. Tudo em aberto!

Reatar e o golo esteve perto nas duas balizas... Divanei viu o ferro negar-lhe o tento, e Fits esteve com tudo, mas a redondinha não quis entrar. Nova bola aos ferros, agora após remate de Robinho... e tudo em aberto, com o empate a manter-se teimosamente.

Aos 28', finalmente, o golo! Jogada na direita e Arthur a assistir, com muita classe, Fits. À entrada da área, vindo de trás e de primeira, disparo forte para nova reviravolta, a colocar os encarnados na frente: 2-3

Ora, na resposta, aos 30', novo empate (3-3)! Roubo de bola em zona proibida, Caio Ruiz acreditou, encarou Roncaglio e, com um remate rasteiro, fez a bola morrer no fundo das redes benfiquistas. 

Pressing total do Benfica a partir daqui, num 5x4 assumido, com as águias a darem tudo em quadra para atingirem os desejados três pontos. Ataque organizado, avalancha ofensiva avassaladora, com o adversário a espreitar o contragolpe

Até ao final, o marcador não se alterou. Empate a três bolas!

Com este resultado, o Benfica soma 62 pontos e desce para o 2.º lugar da classificação geral, agora a dois pontos do líder Sporting (65 pontos).

A formação comandada por Joel Rocha torna a entrar em quadra no próximo sábado, dia 27 de fevereiro. O Benfica-Belenenses, referente à 24.ª jornada da Liga Placard, tem apito inicial às 15h00, no Pavilhão Fidelidade.

Benfica-Elétrico

DECLARAÇÕES

Joel Rocha (treinador do Benfica): "Este empate representa apenas a acumulação de um ponto, quando o nosso objetivo era levar os três pontos para Lisboa. Dar os parabéns à abnegação, solidariedade e superação do Portimonense. É verdade que o Benfica encontrou um adversário que foi exatamente o que estávamos à espera, o que nós não esperávamos era que o nosso nível de decisão e de execução nos últimos seis metros fosse tão inferior ao que é o normal dos jogadores que temos à disposição. O jogo também se resume nessa crueldade da eficácia nos lances de um contra guarda-redes, e nós tivemos vários, alguns deles com boas decisões a tirar jogadores do caminho, mas depois a finalizarmos fora do alvo. O Portimonense, jogando os 40 minutos e os 40 metros, foi sempre uma equipa que nos obrigou a estar nos limites. Insistimos e persistimos, mas hoje fomos muito pouco frios na hora da finalização. Isso paga-se caro, somámos apenas um ponto. Regressamos a Lisboa insatisfeitos por termos empatado. O próximo jogo é com o Belenenses, e o nosso foco agora é esse: preparar o jogo e no sábado jogar."

FICHA Portimonense-Benfica, 3-3 
Local Pavilhão Gimnodesportivo de Portimão
Cinco inicial do Benfica Roncaglio, Afonso Jesus, Robinho, Chishkala e Fits
Suplentes Martim Figueira, Silvestre Ferreira, Fábio Cecílio, Tiago Brito, Arthur, Nilson, Rafael Freire, Tomás Silva e Jacaré
Ao intervalo 2-2
Golos do Benfica Robinho (4'), Chishkala (14') e Fits (28')

Texto: Sónia Antunes
Fotos: Arquivo / SL Benfica
Última atualização: 24 de fevereiro de 2021

Patrocinadores Futsal


Utilizamos cookies para enriquecer a sua experiência de navegação.
Ao continuar a navegar no nosso site está a concordar com a nossa política de utilização de cookies.

Aceitar